Segredos do Github - Licenças

Licença não é só sinônimo de educação (~~só piada boa!~~). No mundo do software, o que define como aquele software será distribuído? O software será pago? Outras pessoas poderão distribuí-lo sem problemas, ou terão que pagar por isso? Ou ainda, podem distribuir o software, mas terão que citar o autor?

Quem responde a essas perguntas são as licenças!

Não vou entrar em muitos detalhes sobre as licenças, pois o post é sobre como o Github nos ajuda com elas. Mas é necessário uma pequena divagação sobre o assunto.

Quando você coloca seu código na internet, ele fica disponível para milhões de pessoas o aproveitarem como bem entenderem. Algumas irão utilizar seu código, citando que você é o autor, outras simplesmente irão copiá-lo, como se fossem os próprios autores. Enfim, internet é terra de ninguém, e todos sabemos disso.

O que te “garante” algo é a licença que você disponibiliza junto com seu código. Existem vários tipos de licenças.

Algumas das mais utilizadas conhecidas são: MIT, GPL, LGPL, BSD.

Mas o que o Github tem a ver com isso?

Quando você cria um novo repositório, o Github te dá a opção de adicionar uma licença:

Mas eu já tenho meu projeto, e não tenho uma licença ainda? Como escolher?

Se você já criou seu repositório, você tem a opção de criar o arquivo de licença através do link +, mostrado abaixo:

Será mostrada a tela para criar um novo arquivo:

Coloque o nome do arquivo como LICENSE, e veja a mágica acontecer:

Agora é só escolher uma licença, e salvar. Ao fazer isso, já fica registrado um novo commit com a alteração :D

Para saber mais sobre lincenças, segue alguns links interessantes:

  • http://ccsl.ime.usp.br/files/relatorio-licencas.pdf
  • http://www.dirceupauka.com/entendendo-a-licenca-mit

Até a próxima!

Sobre o #1postperday: https://blog.da2k.com.br/2014/12/31/um-post-por-dia/

Tem alguma sugestão para os próximos posts do #1postperday? Deixe ela aqui: https://github.com/fdaciuk/fdaciuk.github.io/issues/1